Como obter sucesso com a transformação pessoal para perder o medo de falar em público e se comunicar de forma segura?

A transformação pessoal não é algo que se obtém da noite para o dia. Também não existem fórmulas espetaculares ou mágicas para alcançá-la. Para mudar internamente, perder o receio do público e se comunicar efetivamente basta praticar algumas simples atitudes.

Quem nunca ficou nervoso quando teve que falar em público para uma apresentação na faculdade ou em uma entrevista de emprego? Para alguns, essa situação se torna mais do que um momento estressante.

O medo de falar em público é uma fobia muito comum chamada glosso-fobia. Este medo pode variar de um ligeiro nervosismo a uma experiência paralisante e de pânico.

No entanto, há maneiras simples a serem aplicadas no dia a dia que contribuem significativamente para a resolução do problema.

Fonte: Pixabay

 

 A transformação pessoal, interna, fará com que sua comunicação seja fluída, feita de forma segura. Obter sucesso em todos os âmbitos da vida à partir daí não será tão complicado.

Conselhos para ter uma experiência incrível de transformação pessoal que levará a perda do medo de falar em público

Olhe para as pessoas horizontalmente

Não olhe para cima, encare os outros nos olhos. A arte de falar em público engloba o respeito mútuo e igualitário entre quem está se comunicando.

Ninguém é mais do que ninguém, nem mesmo seu chefe, seus pais ou professores. Mesmo que você acredite que sua vida depende dessa pessoa, é uma situação circunstancial.

É você quem decide, através de seus pensamentos e ações, o que fará da sua vida. Se obter sucesso pessoal e profissional é importante, comece a conversar “olho no olho”.

Se falar em público for muito complicado, respire

Pensando em como algo vai ser difícil, tornamos a montanha mais alta do que é e temos mais medo.

Se toda vez que você tiver que falar em público for muito aterrorizante, faça algumas respirações abdominais. Isso neutraliza o medo, obtendo o resultado que está procurando. 

Pode parecer bobo, mas experimentos foram feitos com atletas antes de competições e provaram que o método funciona.

Valorize suas peculiaridades, são elas que fazem de você alguém memorável

Essa maneira especial que você tem de, talvez, estragar as piadas ou rir com sons de porco é única.

As peculiaridades estúpidas são precisamente o que dá caráter a uma pessoa. Quanto mais cedo você aprender a “abraçá-las” como parte de você, menos você terá que lutar na vida.

A perfeição não existe e persegui-la é, acima de tudo, estupidez.

Ouvir, colocando o mínimo possível de “você” na sua comunicação

Ter autoestima, comunicar-se bem e de forma segura é uma coisa, mas narcisismo é outra.

Quanto menos você colocar seu ego à frente, melhor você poderá fazer uma imagem precisa da realidade. Isso envolve evitar:

  • Interromper;
  • Ser preconceituoso;
  • Corrigir;
  • Fazer suposições.

Ouça a pessoa real dentro de você, sem que “seu eu” seja a medida de todas as coisas. Aplique com quem estiver se comunicando quando for falar em público.

Descubra qual é o receio que eles têm, o que sonham, suas realidades e, assim, poderá ter uma influência maior.

Seus comentários e perguntas precisam ter a ver com o outro, não com você

Este ponto tem muito a ver com o anterior e é, talvez, o mais importante. Se você tentar algo de alguém – ouvir, influenciar, namorar, vender, etc. – não seja o centro da conversa.

Se a pessoa quebrou a perna ou foi abandonada pelo parceiro, se preocupe em saber como ela está. Pergunte como pode ajudá-la, sem contar como se sentiu quando aconteceu com você!

Prepare-se, vale a pena

Dominar a arte de falar em público te dá autonomia para palestrar em qualquer lugar, hora ou situação. No entanto, se você enfrentar uma situação de comunicação que produza insegurança, um truque simples pode ser usado.

Prepare “três mensagens”. Nem dez e nem uma, mas três! E para cada uma delas, esteja pronto:

  • Uma poderosa informação;
  • Uma história que exemplifica isso;
  • Uma frase de efeito que resuma tudo.

Preparar-se dessa maneira te dará a segurança necessária para perder de vez o medo de interagir com o outro. A comunicação fluirá e o sucesso na persuasão se dará automaticamente.

Fonte: Pixabay

Vá direto ao ponto, sem dar voltas e voltas

Quando for falar em público, aprenda que não é necessário dar demasiadas explicações. Não explique o que você vai dizer ou por que você vai dizer.

Não há necessidade nenhuma disso. Simplesmente diga o motivo de você estar ali direta e claramente! A explicação será somente sobre o tema proposto e sobre as possíveis perguntas que lhe fizerem.

+ Veja também: Como resolver o problema de perder promoções no trabalho?

Em uma conversa, altere qualquer “mas” para “e”

Quando você fala, argumenta ou discute, se diz “está  bem, mas” é um indício de problema. Parece que está refutando sua abordagem para a outra pessoa e isso, em muitos casos, será defensivo.

Se você quiser que suas palavras sejam levadas em conta, substitua o “mas” por um “e”. Por exemplo: “Parece bom para mim e…” É uma pequena mudança, mas dá grandes resultados.

O silêncio é o melhor instrumento para obter informações e muitas outras coisas

Mas o que o silêncio tem a ver com falar em público e transformação pessoal?

Melhorar-se como pessoa, aprendendo como ouvir o outro, é essencial para qualquer tipo de comunicação.

É nesse momento que, em vez de dar seu ponto de vista ou acrescentar uma pergunta, você permanece em silêncio.

O outro dirá o que você estava hesitando em dizer ou não. Bons jornalistas, vendedores, negociadores compreendem o poder do silêncio usado na hora certa.

Nada é tão importante quanto se acredita

Temos contratempos, até tragédias, mas a vida continua. A tolerância, a frustração ou a aceitação da realidade se consolidam com a maturidade. Mas isso é algo de que somos deficientes nessa cultura de satisfação imediata.

Para alcançar autoconfiança, é tão importante praticar como saber, como fazer isso na direção certa.

Como disse Leonardo Da Vinci: “Aqueles que se apaixonam pela prática sem teoria são como navegadores sem leme ou bússola, que nunca sabem para onde estão indo”.

Transformar-se internamente é um passo à frente para a autoconfiança de falar em público. A boa comunicação à seguir, será o outro passo em direção ao sucesso total na sua vida. 

Compartilhe:
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin
Share on twitter
Share on facebook

Lucivaldo Santos

Meu nome é Lucivaldo Santos, sou CEO do Grupo Cimas e especialista em comportamento humano.

Dou palestras faz muitos anos…LEIA MAIS »

Receba os artigos
por e-mail

Artigos recentes

Contato

Entre em contato conosco e envie suas sugestões, dúvidas ou reclamações.